sábado, julho 20, 2024
OpiniõesSéries

Tracker | Review: 1×02 – Missoula

E voltei para conferir o 2º episódio de Tracker, série estrelada por que estreou na rede norte-americana CBS. Assim como falei no teto anterior, a série não nos cativa, mas ainda tenho o afeto por Hartley devido a Kevin, de This is Us.

O maior problema da série é que ela apresenta a trama do jovem rapaz que desapareceu, mas não nos coloca o senso de urgência para o resgate de sua vida, e mesmo que tenhamos uma base de pessoas que querem tirar Colter do caminho de encontrá-lo, tudo é superficial.

ATENÇÃO!
O conteúdo abaixo contém spoilers

Quando Colter, personagem de Hartley, se aproxima de Rebecca, a cabeça da seita que pegou Jordan, não sentimos que ela fará o possível para que ele não saia de lá, por mais que os diálogos prometam isso. Seth, o guia que entra na mente das pessoas, não tem força, e apenas joga algumas coisas sobre o pai de Colter na cara dele, mas não é efetivo.

No fim tudo é resolvido de forma muito simplória, sem urgência e sem pressão, com o rapaz voltando para sua família. Única ponta solta que fica é um arquivo com informações sobre a família de Colter, e vemos que houve uma invasão na casa de sua mãe, Mary, atrás de coisas sobre o pai dele, que continua um mistério.

Tracker ainda precisa mostrar mais da rede de apoio de Colter, colocando mais espaço para Teddi, Velma e Bob, este último teve até que mais espaço por Colter precisar de informações e localizações, com ele fazendo pesquisas para ajudá-lo.

Tracker | Primeiras Impressões: Focada em Hartley, série precisa mostrar a que veio

No fim a série em seus dois episódios ainda não mostra a que veio, e Tracker se segura em Hartley, mas até quando, pois seu personagem ainda não teve espaço para um desenvolvimento mais emocional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *